A interface BMS ajuda-o a extrair diferentes tipos de dados do aparelho: SGE, SGS ou BFC. Estes dados podem ser convertidos para o software do Sistema de Gestão do Edifício (BMS), que lhe permitirá monitorizar a sua instalação de água quente.

A interface BMS converte as informações do sistema para um protocolo ModBus, um dos protocolos mais utilizados no Sistema de Gestão do Edifício. A interface BMS pode monitorizar mais de 50 parâmetros; a temperatura no aparelho, as horas de funcionamento do queimador, as horas de funcionamento geral, etc.

Se já dispuser de SGE, SGS ou BFC e pretender adicionar a interface BMS à sua instalação, contacte a A.O. Smith para verificar se, no seu caso, a interface BMS pode ser instalada.